Categorias
Cotidiano

A juíza que salvou a Zelotes

Célia Regina Ody Bernardes, a juíza responsável pelas investigações da Operação Zelotes, está na magistratura há apenas quatro anos. Começou em 2011 como juíza em Cuiabá-MT, transferindo-se, dois anos depois, para atuar na 21ª Vara Federal de Brasília. A partir de setembro deste ano ela passou a reforçar a 10ª Vara Federal e assumiu o destino da Zelotes.

Foi Célia Regina quem determinou as primeiras prisões de advogados e lobistas acusados de manipular decisões do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) e quem autorizou que a Polícia Federal fizesse busca e apreensão nas empresas de um dos filhos do ex-presidente Lula.

Apesar de sua chegada à 10ª Vara Federal ter sido comemorada por alguns procuradores e delegados, é possível que ela não continue no caso até o fim das investigações, pois o juiz titular, Vallisney de Souza Oliveira, deverá retornar ao cargo já na semana que vem. Célia deverá assumir a vaga do primeiro juiz substituto Ricardo Leite, que vai entrar em férias.

Leia mais em: A juíza que deu novo fôlego à Operação Zelotes

Por Durango Duarte

Nascido em Cachoeira do Sul/RS veio com sua família para Manaus em 1975. Empresário, pesquisador, publicitário e autor de livros.