Categorias
Cotidiano

O imponderável comandará os resultados finais das eleições

Pesquisa Datafolha para prefeito de São Paulo aponta o midiático Celso Russomanno (PRB) com 34% das intenções de votos, bem à frente de um segundo pelotão que aparece com um triplo empate técnico: Marta Suplicy (PMDB), com 13%, seguida pelo apresentador de TV, José Luiz Datena (PP), com 13% ou 12% (dependendo do cenário), e pelo atual prefeito da capital paulista, o petista Fernando Haddad, com 12%.

A liderança folgada de Russomanno exige um pouco de cuidado, já que, em agosto de 2012, o deputado federal mais votado do País também era o primeiro colocado nas pesquisas, com 30%, porém, acabou amargando um terceiro lugar.

Claro que hoje a posição de Russomanno nas pesquisas se apresenta com maior solidez que três anos atrás. Mas, o quadro da sucessão municipal em São Paulo é indefinido, e o máximo que talvez ele possa chegar é ir ao segundo turno. E terá pela frente três pesos pesados: Marta, Datena e Haddad.

É bom lembrar que, na vitória de Haddad em 2012, que era o azarão, ocorreu mais um estelionato eleitoral do PT, a exemplo da eleição de Dilma no ano passado.

Por Durango Duarte

Nascido em Cachoeira do Sul/RS veio com sua família para Manaus em 1975. Empresário, pesquisador, publicitário e autor de livros.