1 de agosto de 2018 às 08:32.

O “novo” realmente existe?

compartilhar

Existe mesmo o tal do “novo” nas eleições deste ano? É risível perceber o grau de despreparo da maioria dos que se intitulam como os candidatos da mudança tão ansiada pelos eleitores. A melhor escolha é optar pelos nomes menos letais para o nosso futuro.

Comentários

error: Conteúdo de propriedade de Durango Duarte, protegido contra cópia.