30 de dezembro de 2015 às 10:30.

Novo salário mínimo cria rombo de R$ 2,9 bilhões no Orçamento

compartilhar

O salário mínimo fixado em R$ 880 a partir de 1º de janeiro de 2016, corresponde a um reajuste de 11,67% sobre o atual R$ 788. A atualização vai custar R$ 30,2 bilhões para as contas do governo, que já opera no vermelho.

Desses R$ 30,2 bilhões, R$ 27,3 bilhões já estão previstos no Orçamento de 2016, os outros R$ 2,9 bilhões, não.

O Ministério do Planejamento não informa quais seriam as maneiras para buscar essa solução.

Comentários

error: Conteúdo de propriedade de Durango Duarte, protegido contra cópia.