10 de novembro de 2020 às 06:00.

Eleições 2020: 8ª Pesquisa Registrada da Perspectiva

compartilhar

A partir desta oitava pesquisa registrada, a Perspectiva passa a dar ênfase aos votos válidos, quando são excluídos brancos, nulos e indecisos. Ressalte-se que o resultado oficial da eleição para prefeito de Manaus, divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) no dia 15 de novembro, será em votos válidos.

VOTOS VÁLIDOS

Em relação ao estudo publicado no último dia 4, Amazonino mantém os mesmos 32,0% e segue na primeira colocação. David Almeida é o segundo, crescendo 0,8% e atingindo 18,8%. Ricardo Nicolau perdeu 1,1 ponto percentual, mas ainda é o terceiro, com 13,6%, e José Ricardo está na quarta posição, com 13,5%, performance igual à pesquisa anterior.

O triplo empate técnico pela segunda vaga no 2º Turno confirma a disputa acirrada entre David, Nicolau e Zé Ricardo. Quando aplicada a margem de erro de 3,1%, para mais ou para menos, Almeida poderia recuar para 15,7% em seu pior cenário, contra 16,7% de Nicolau e 16,6% de Zé Ricardo, em seus melhores cenários.

Capitão Alberto Neto vem em quinto lugar, com 7,4% (+0,2%), e o sexto é Coronel Menezes, com 6,0% (-0,5%). Alfredo Nascimento obteve 4,6% (-0,1%) e está na sétima colocação. O oitavo é Romero Reis, com 1,9% (+0,6), seguido por Chico Preto, com 1,5%; Marcelo Amil, com 0,6%, e Gilberto Nascimento, com 0,1%.

 

PERGUNTA ESPONTÂNEA

O número de indecisos caiu 30,2 pontos percentuais desde o final de setembro, quando era de 58,7% e agora está em 28,5%. No mesmo período, nulos e brancos desceram de 10,2% para 8,5%.

Amazonino segue em primeiro, com 19,9% (+0,8%), e David Almeida é o segundo, com 12,4% (+1,9%). Zé Ricardo é o terceiro, com 8,7% (+0,5%), seguido por Ricardo Nicolau, com 7,4% (+0,5%) em quarto.

Coronel Menezes se mantém na quinta posição, com 4,6% (+0,7%), e Capitão Alberto Neto é o sexto, com 4,3% (+1,1%). Em sétimo, Alfredo Nascimento, com 2,8% (+0,3%), seguido por Romero Reis, com 1,6% (+1,4%); Chico Preto, com 1,0% (+0,3%), e Marcelo Amil, com 0,3%.

 

PERGUNTA ESTIMULADA

Amazonino Mendes cresceu 1% na última semana e continua liderando na estimulada, com 28,2%. O segundo lugar segue com David Almeida, que subiu de 15,3% para 16,6%. Ricardo Nicolau é o terceiro, com 12,0%, uma oscilação negativa de 0,5%. A quarta posição continua com Zé Ricardo, que apresentou um leve crescimento de 0,4% e agora está com 11,9%.

Capitão Alberto Neto é o quinto colocado, com 6,5% (+0,4%), e o sexto é Coronel Menezes, com 5,3% (-0,2%). Alfredo Nascimento obteve 4,1% (+0,1%) e está em sétimo.

Com 1,7% (+0,6%), Romero Reis agora é o oitavo colocado, na frente de Chico Preto que manteve o 1,3% da sétima pesquisa e está em nono lugar. Marcelo Amil é o décimo, com 0,5% (+0,2%) e Gilberto Vasconcelos, o último, com 0,1%.

O percentual de indecisos caiu de 5,6% para 2,0%, enquanto nulos e brancos oscilaram de 9,5% para 9,8%.

 

POTENCIAL DE VOTOS

Na pergunta estimulada, nós captamos o potencial de votos dos candidatos, perguntando não somente a 1ª opção de voto, mas também uma 2ª opção, baseada no questionamento aos entrevistados sobre qual outro nome escolheriam, caso a sua primeira indicação não concorresse. Da soma das duas opções temos o potencial de votos, a elasticidade máxima de voto de cada candidato.

Nesta oitava pesquisa, David Almeida foi o mais mencionado como 2ª opção de voto, com 13,0%, seguido por Ricardo Nicolau, com 12,2%. Amazonino foi o terceiro, com 9,2%, e José Ricardo o quarto, com 9,0%. Somadas 1ª e 2ª opções, Amazonino tem 37,4%; David, 29,6%; Nicolau, 24,2%, e Zé Ricardo, 20,9%. Os demais potenciais estão no relatório completo.

INFORMAÇÕES OBRIGATÓRIAS
A pesquisa foi executada com recursos próprios da Perspectiva e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número AM-03642/2020, com 1.000 entrevistas na cidade de Manaus, realizadas entre 6 e 8 de novembro de 2020. A margem de erro é de 3,1%, para mais ou para menos, com grau de confiabilidade de 95%, o que significa dizer que se fossem feitas 100 entrevistas com a mesma metodologia, 95 estariam dentro da margem de erro prevista.

Clique aqui e veja o relatório completo.

Comentários